Sobre pensar no lado bom das pessoas

Acredito que o mesmo que eu julgo ser minha qualidade, também é o meu maior defeito. Eu sempre acredito no lado bom das pessoas. Sempre. Elas podem me magoar que eu sempre vou me contradizer ao formar uma opinião sobre elas, pois eu sempre vou me lembrar das coisas boas vindas dessas pessoas, ignorando o seu lado ruim. E eu sou errada em pensar assim. Sou errada porque elas não pensam no meu lado bom antes de me magoar. Sou errada duas vezes, na segunda por achar que as pessoas vão pensar da mesma forma que eu penso: no lado bom das pessoas. Infelizmente é assim que acontece. As pessoas não são iguais, nunca. Podem até ser parecidas, mas nunca iguais, seja no jeito de falar, de agir e até mesmo de pensar. Eu tenho tentado, a cada dia, mudar esse meu jeito de pensar, confesso. Estou começando a colocar em prática a filosofia de que “as pessoas podem até ter o seu lado bom, mas, infelizmente, foi um pouco mais do seu lado ruim que elas me deram”. Vamos ver se assim dói menos a cada decepção.

Larissa Lisboa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s