Fonte dos desejos

Estou a meia hora com uma moeda na mão e encarando esta fonte dos desejos. Sinceramente, não sei se faço um pedido ou se compro bala. Não acredito muito nessas coisas de “fecha os olhos, faça um pedido, jogue a moeda e a fonte realizará” ou “faça um pedido e sopre as velas”, quem dirá em “fechar os olhos e fazer um pedido a uma estrela cadente”. Na verdade, acho tudo isso uma baboseira. É uma forma que as pessoas encontraram de serem iludidas, mas sem ser por outras pessoas.

Imagino no que estava pensando quem inventou essas coisas: “vou dizer que fazer pedidos para estrelas cadentes, velas e fontes é uma maneira de se conseguir o que tanto deseja, assim as pessoas nunca vão perder as esperanças”. Fofo, mas penso o contrário. Você não deve se agarrar à uma ilusão para não perder as suas esperanças. Quer algo? Corra atrás! Não espere que uma estrela vire uma fada e transforme um boneco de madeira em um menino de verdade, que nem foi tão simples assim para o Pinóquio, porque ele teve que fazer por merecer para se tornar um menino de verdade.

Para mim, sonho e ilusão são coisas extremamente diferentes. Quando você tem um sonho, você se agarra a ele e vai atrás. Você vai atrás, com seus próprios pés. Agora quando nos agarramos a uma ilusão e ficamos na expectativa de que a vela, a fonte ou a estrela irá realizar o nosso pedido, nos acomodamos. Simplesmente sentamos e esperamos. Porém, mesmo pensando desta forma, eu fico fascinada com a forma que as pessoas lidam com isso. Só o tempo que estou aqui já vieram mais de dez pessoas lançar suas moedas com seus pedidos secretos.

Observo mais um pouco e decido lançar a minha moeda. O meu pedido? Que essas pessoas continuem vindo até a fonte e que façam os seus pedidos. Às vezes essa fantasia possa ser prazerosa para elas, me arrisco até  dizer que é confortante. Eu não posso fazer com que as pessoas pensem como eu, assim como não posso desdenhar de suas crenças. Apenas observo a vida com um tom de curiosidade, e não me arrependo de não ter comprado uma bala para disfarçar esse meu mau hálito matinal horroroso, pois foi por uma justa causa.

Pelo menos por hoje vou acreditar nessa fonte dos desejos.

Larissa Lisboa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s