Minha alma

Hoje minha   alma  se desfez, voou como pétalas de rosas ao vento.

Foi atrás das respostas que nunca pude lhe dar.

Estamos sempre em guerra, já que ela é tão viva,e eu ando meio apagada.

Ela tem sede de viver,ousar, amar, enquanto a mim, me conformei em apenas existir,ver a vida passar pela janela.

Já minha alma quer correr por aí, quer sentir o vento, o calor, o desejo.

Ela quer se jogar, sem medo, apenas se arriscar, já eu prefiro continuar segura, e não me  machucar.

Minha alma é intensa, valente, inquieta, enquanto eu sou insegura,e cheia de manias.

Minha alma é tudo que um dia eu fui,e nunca mais serei…. Por isso, hoje ela se desfez e voou, pra longe de mim, assim ela fica mais perto  de você.

Enquanto eu continuo, apenas a existir….

Lih Honorato

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s