Sentimento mal resolvido

Talvez o que eu sinta não seja amor, seja apenas uma necessidade de ter alguém por perto. Seja apenas uma vontade de ter alguém para conversar, para rimos juntos quando eu for engraçada, para dividirmos vitórias e derrotas, para discordar da minha visão de vida, para me incomodar quando eu quiser ficar quieta.

Talvez o que eu sinta não seja saudade, seja apenas meu coração carente, por alguém que fique e não se vá ao amanhecer, por alguém que se demore nos detalhes, que me enxergue devagar, que me roube da vida o medo e me devolva a confiança.

Talvez o que eu sinta seja passageiro feito uma tempestade, e como tal, avassalador e devastador, chegando à me deixar em mil pedaços.

É que esse sentimento mal resolvido, por vezes, já fez eu me fechar, e não percebendo fui me afastando, só que eu não percebi é que com esse meu ato de me fechar, de me se aproximava o sofrimento, a solidão… e gradativamente caí num estado de tristeza voluntária.

Talvez eu nunca seja boa o suficiente para você, eu nunca fui pra ninguém mesmo, mas você foi só mais um que passou pela minha vida; com apenas um detalhe, você foi o único que eu quis que ficasse ao amanhecer.

Rose Lima.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s