Para o amor que vai chegar

Para o amor que vai chegar, 

Quero desabafar: 

Tenho sonhado bastante com você

Mesmo sem saber quem tu és, 

Qual a cor dos teus olhos 

E o corte do teu cabelo, 

Sem nunca ter visto o teu sorriso

Tampouco sentido o teu cheiro.

Tenho sonhado com a sua presença,

Já que a minha miopia não me permite 

Decifrar quem tu és. 

E nas entrelinhas desses versos 

Eu me declaro 

Para o amor que vai chegar: 

Amo-te tanto! 

Esperar por ti vale a pena. 

Enquanto isso eu me conheço

E desconheço, 

Me preparo e me reparo, 

Me monto e remonto, 

Mas não prometo estar pronto 

Para quando você chegar.

Larissa Lisboa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s